ESPN e MLB estendem em oito anos os direitos para multiplataformas

BaseballESPN BrasilMLB

ESPN e MLB estendem em oito anos os direitos para multiplataformas

Para twittar este comunicado de imprensa: http://es.pn/RYh4oS

28 de agosto de 2012

ESPN e MLB estendem em oito anos os direitos para multiplataformas

  • A extensão da cobertura inclui mais de 125 jogos da temporada regular, jogos da World Series, Playoffs e All-Star Weekend
  • Centenas de jogos da MLB por temporada em canais da ESPN em todo o mundo
  • Direitos digitais ampliados
  • O contrato cobre Estados Unidos, Europa, América Latina, Caribe, Oriente Médio, África, Israel, Austrália, Nova Zelândia, Ilhas do Pacífico e navios de cruzeiro  

 MLB

Clique nas imagens para baixar as versões em alta resolução 

 

A ESPN e a Major League Baseball (MLB) estenderam em oito anos os direitos para multiplataformas e várias regiões, o que vai aumentar significativamente os direitos da ESPN para TV, rádio, e direitos digitais para a MLB nos Estados Unidos e em todo o mundo. O contrato, que entra em vigor em 2014 e termina em 2021, foi anunciado hoje por John Skipper, presidente da ESPN, e por Allan H. Selig, comissário da MLB. 

O contrato cobre os direitos para os Estados Unidos, Europa, América Latina, Caribe, Oriente Médio, África, Israel, Austrália, Nova Zelândia, Ilhas do Pacífico e navios de cruzeiro. 

Esse contrato significa que a ESPN continuará fazendo a cobertura da MLB em toda a América Latina. Segundo o acordo, os fãs poderão assistir os jogos de treinamento da primavera, mais de 125 jogos da temporada regular da MLB (inclusive os jogos de beisebol transmitidos pela ESPN e chamados Sunday Night, Monday Night, e Wednesday Night Baseball), os jogos All-Star Weekend da MLB (inclusive o All-Star Game, State Farm Home Run Derby, Futures Game e Celebrity Softball Game), um dos jogos Wild Card Playoff presented by Budweiser, dois dos quatro jogos da Divisão, um da League Championship Series (revezando entre a Liga Nacional e a Liga Americana a cada temporada) e todos os jogos da World Series (grande final). 

O novo contrato inclui também:

  • Direitos estendidos de multimídia para a MLB nos Estados Unidos
  • Direitos para a ESPN produzir centenas de horas extras de programação de estúdio da MLB – inclusive   Baseball Tonight e outros programas de notícias – e transmiti-las nas suas redes de TV internacionais 
  • Mais direitos de filmagem e destaques em vários meios; 
  • Direitos de distribuição em toda a Europa e em barcos de cruzeiro
  • Mais direitos e conteúdo nas plataformas digitais, inclusive direitos para dados e vídeo, e a possibilidade, para a ESPN ou seus clientes de distribuição, de oferecer o conteúdo da MLB em multiplataformas autenticadas. 

Allan H. Selig, comissário da MLB:

“Em nome da Major League Baseball, eu estou muito feliz que continuaremos nosso relacionamento de longa data com a ESPN pelos próximos anos. O nível de comprometimento da ESPN com o beisebol – tanto financeiramente quanto em sua expansão de conteúdo – é uma prova da força de nosso jogo e de sua inédita popularidade entre os nossos fãs. Por meio de várias redes e outras plataformas de mídia, a ESPN oferece aos fãs do beisebol mais do que nunca antes formas para eles vivenciarem o jogo, e nós somos gratos por seu apoio contínuo.”

John Skipper, presidente da ESPN:

“Estamos muito felizes de renovarmos nosso acordo de longo prazo com a Major League Baseball pela próxima década. É uma grande propriedade. A imensa abrangência do que adquirimos oferecerá aos fãs mais jogos de beisebol ao vivo e mais formas do que nunca de acessar conteúdos relacionados ao beisebol.”

O novo contrato garantirá um relacionamento contínuo de mais de 30 anos entre a ESPN e a MLB, que começou em 1990 e é um dos mais duradouros entre a rede e uma liga. 

A cobertura deste ano da Major League Baseball continua na ESPN, e a pós temporada da MLB começa em 5 de outubro.

 

Sobre a MLB International
A Major League Baseball International (MLBI) se concentra no crescimento mundial do beisebol e na promoção da Major League Baseball e direitos autorais e as marcas dos seus Clubes através de eventos especiais, transmissão, desenvolvimento de mercado, licenciamento e iniciativas de patrocínio. A MLBI tem o compromisso de mostrar os melhores talentos do beisebol do mundo através de eventos internacionais em âmbito mundial. Os jogos da Major League Baseball são transmitidos em 220 países e territórios e retransmitidos em 20 idiomas.A MLBI executa e apoia programas de desenvolvimento de jogos dirigidos a jogadores e treinadores, desde o nível básico até os níveis de elite. Com uma extensa lista de parceiros de marketing em todo o mundo, a MLBI continua fortalecendo sua posição como líder no mercado internacional. A missão da MLBI tem o suporte de presenças em Pequim, Nova York, Londres, Sydney e Tóquio.

Sobre a ESPN

A ESPN, Inc. é a principal empresa de entretenimento esportivo, multinacional e multimídia, e possui mais de 50 empresas de multimídia e entretenimento esportivo. Oitenta por cento da ESPN pertence à ABC, Inc., uma subsidiária indireta da The Walt Disney Company, e a Hearst Corporation possui 20% de participação na empresa. 

A ESPN International se expandiu até incluir agora a propriedade, integral ou parcial, de 46 redes de televisão fora dos Estados Unidos e várias outras empresas de expansão de marca, o que permite que a ESPN alcance os fãs em 200 países e territórios. 

ESPN no Brasil
Em 2012, a marca ESPN comemora 23 anos no Brasil. Líder mundial em esportes, a ESPN chegou ao Brasil em 1989 e foi o primeiro canal de esportes da TV paga brasileira. Seis anos depois, em 1995, a empresa criou o Brasil ESPN. Em abril de 2009, a ESPN HD foi lançada em alta definição. Hoje, além de TV, a ESPN expande sua presença no país na internet (ESPN.com.br e ESPN360), rádio com Estadão ESPN (um projeto com o Grupo Estado – 700 AM e 92,9 FM), celulares (ESPN Mobile TV e ESPN360), eventos (X Games, ESPN Ao Ar Livre, Circuito Corpore ESPN) e mídia impressa (Revista ESPN). A ESPN Brasil pertence à rede ESPN International que foi criada em 1988 como uma divisão da ESPN Inc. para os mercados fora dos EUA.  80% da ESPN é de propriedade da ABC, Inc., que é uma subsidiária indireta da The Walt Disney Company. A Hearst Corporation detém uma participação de 20% na ESPN. 

Etiquetas
Botão Voltar ao topo
Fechar