ESPN e AMERICA MOVIL anunciam acordo de direitos na América Latina para os Jogos Olímpicos de 2014 e 2016

ESPN InternationalNews and Information

ESPN e AMERICA MOVIL anunciam acordo de direitos na América Latina para os Jogos Olímpicos de 2014 e 2016

São Paulo, Janeiro de 2014 – A América Móvil e a ESPN fecharam um acordo para os direitos dos Jogos Olímpicos de 2014 e de 2016 nos países de língua espanhola da América Latina. O acordo, para transmissão da ESPN dos Jogos Olímpicos para os fãs de esportes, acontece pela segunda vez na América do Sul e pela primeira vez na América Central e no México.

O acordo inclui direitos não exclusivos de TV por assinatura e digital para Sochi 2014 e Rio 2016 na Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Costa Rica, República Dominicana, Equador, El Salvador, Guatemala, Honduras, México, Nicarágua, Panamá, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela. A ESPN vai transmitir os Jogos Olímpicos em várias redes de televisão e na ESPN Play, serviço de banda larga multiscreen ao vivo. Também haverá transmissão dos destaques on-line no site espn.com .

A ESPN vai iniciar a sua cobertura de Sochi 2014, no dia 7 de fevereiro, com a cerimônia de abertura, às 14h (horário de Brasília – DF). Serão sete horas de cobertura ao vivo, com início diariamente às 10h, junto com a cobertura dos melhores momentos todas as tardes e um programa noturno com os destaques.

“Nosso principal objetivo para os Jogos Olímpicos em Sochi e no Brasil é inovar e ampliar as opções para que mais pessoas possam desfrutar os Jogos Olímpicos, que hoje, graças à tecnologia, podem ser acompanhados na televisão, bem como em telefones celulares, conforme o acordo de hoje com a ESPN anuncia”, disse Arturo Elias, diretor administrativo da UNO Noticias.

“Este acordo nos proporciona uma grande oportunidade para atender aos fãs de esportes na América Latina”, disse Tim Bunnell, vice-presidente sênior de produção, programação, marketing e vendas de anúncios da ESPN International. “Os Jogos Olímpicos são o auge de todos os eventos esportivos, e estou contente que a ESPN poderá utilizar e aproveitar suas plataformas para apresentar um evento desta magnitude para os fãs da região.”

Etiquetas
Botão Voltar ao topo
Fechar