NBA: ESPN bate recorde de audiência no Brasil com crescimento de 41%

Uncategorized

NBA: ESPN bate recorde de audiência no Brasil com crescimento de 41%

Não foram apenas os fãs do Toronto Raptors que comemoraram o título da NBA, também a ESPN no Brasil fez festa após a divulgação do crescimento de 41% de audiência em relação à temporada passada¹. A emissora quebrou recordes na TV por assinatura e também no digital, com o maior número de acessos no conteúdo da liga na plataforma de streaming WatchESPN e também no portal ESPN.com.br. Detentora dos direitos exclusivos das finais da NBA na TV paga, a ESPN registrou no quinto jogo da série entre Raptors e Warriors a maior audiência de uma partida da liga no Brasil, liderando entre todos os canais da TV por assinatura e alcançando a lista de assuntos mais comentados no Twitter.

“Ano após ano, temos visto o crescimento da NBA, fruto dos esforços da nossa equipe em dar a este evento o tamanho que ele sempre mereceu. E só se falou disso. O recorde de audiência apenas ressalta que temos de seguir investindo forte em talentos e na cobertura in loco”, ressalta João Palomino, Vice-Presidente de Jornalismo e Produção da ESPN.

Ao longo da temporada, a audiência feminina nas transmissões da NBA na ESPN também apresentou crescimento. Analisando somente as mulheres que acompanharam a liga na emissora, o aumento foi de 38% considerando toda a temporada 2018/2019, incluindo fase regular, playoffs e finais³.

Com equipe in loco para as finais, a ESPN Brasil contou uma inédita cobertura dividida entre dois países, já que pela primeira vez uma equipe canadense chegou às finais da liga. O trabalho de reportagem foi compartilhado por José Renato Ambrosio, Matheus Cobucci e Paulo Antunes e a narração ficou sob a responsabilidade de Rômulo Mendonça. Do Brasil, participaram os comentaristas Eduardo Agra, José Roberto Lux (Zé Boquinha), Ricardo Bulgarelli, Guilherme Giovannoni e Alana Ambrosio. Os narradores Everaldo Marques, Fernando Nardini e Renan do Couto também participaram da cobertura das finais, incluindo a realização de entradas ao vivo da NBA House, evento organizado pela liga em São Paulo.

Tradicional programa da emissora, o ESPN League esteve no ar diariamente ao longo das finais e chegou a liderar a audiência na TV paga durante a série final com a cobertura e análise das partidas. Com o encerramento da temporada da NBA, a atração retorna à programação normal, com exibição às segundas e sextas-feiras.

A nova temporada da NBA terá início em outubro e contará com mais de 170 partidas transmitidas pela ESPN na TV por assinatura e no streaming pela plataforma WatchESPN. Nesta quinta, a partir das 20h, a ESPN transmite o Draft 2019, oportunidade em que os jovens talentos universitários serão escolhidos pelas equipes da liga para o próximo ano.

Sobre a ESPN:
Líder mundial em esportes, a ESPN chegou ao Brasil em 1989 e foi o primeiro canal esportivo da TV paga no país. Referência em conteúdo multiplataforma e jornalismo de credibilidade, a ESPN conta com quatro canais nas operadoras de TV por assinatura do mercado brasileiro: ESPN Brasil (canal com destaque para as atrações do jornalismo como SportsCenter, Bate Bola, Bola da Vez e Resenha ESPN, além de grandes jogos do futebol internacional), ESPN (NFL, NBA, MLB, NHL, tênis e futebol internacional), ESPN2 (futebol internacional, eSports, esportes americanos, surfe, rugby, ciclismo e poker) e ESPN Extra (canal focado em eSports, esportes radicais e X Games).

O WatchESPN, plataforma disponível para iOS, Android e desktop, permite aos fãs de esportes assinantes de planos de TV por assinatura ou planos de internet banda larga o acompanhamento da programação dos canais em tempo real, além de oferecer mais de 600 títulos no acervo de conteúdo sob demanda. A marca ainda disponibiliza notícias e vídeos exclusivos via ESPN App e portal ESPN.com.br.

Fundada em Bristol, Connecticut, em 1979, a ESPN tem como filosofia servir aos fãs de esporte em qualquer hora e lugar. Atualmente a empresa oferece conteúdo aos fãs em mais de 60 países, nos cinco continentes. A ESPN é marca pertencente aos grupos The Walt Disney Company e Hearst Corporation.

FONTES DE AUDIÊNCIA:

1) Fonte: Kantar Ibope 15 mercados (Daily) Live. Oct 16, 2017 – Jun 08, 2018  vs. Oct 16, 2018 – Jun 13, 2019 – BAS NBA VIVO, PAY-M18-49, ESPN, RAT%

2) Adobe Analytics (Visitantes Únicos). Período: 16 Out, 2018 a 13 Jun, 2019

3) Kantar Ibope 15 mercados (Daily) Live. Oct 16, 2017 – Jun 08, 2018  vs. Oct 16, 2018 – Jun 13, 2019 – BAS NBA VIVO, PAY-W18+, ESPN, RAT%

Etiquetas
Fechar